Curitiba: pessoas com covid-19 terão cartão-transporte bloqueado

26 de março de 2021 2 mins. de leitura
O período de bloqueio do cartão-transporte começa a ser contado para os infectados a partir da data do exame

Os moradores de Curitiba que testarem positivo para a covid-19 terão seus cartões de transporte bloqueados por um período de sete dias. A informação foi divulgada pelo site da prefeitura nesta quarta-feira (24). A regra vale para os quatro tipos de cartão utilizados no sistema de transporte público da cidade: usuário, isento, idosos e estudantes.

A medida é mais uma forma de evitar que pessoas furem o isolamento social, disseminando ainda mais a covid-19. A cidade está na bandeira vermelha, e outras propostas têm sido pensadas: no dia 19, o Tribunal de Contas do Estado do Paraná determinou que a capital paranaense suspendesse a circulação de transporte coletivo, porém a prefeitura derrubou a liminar na mesma noite. 

(Thomas Locke Hobbs/Visual Hunt)
Estação Tubo em Curitiba. (Thomas Locke Hobbs/Visual Hunt)

O bloqueio dos cartões de transporte na cidade será possibilitado pelo compartilhamento de dados entre a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e a Urbanização de Curitiba (Urbs).

Após os registros da SMS, a Urbs vai cruzar dados do CPF dos diagnosticados com os dos usuários do cartão-transporte. O período de bloqueio do cartão começa a ser contado para os infectados a partir da data do exame. 

A atualização dos dados será diária, e os usuários do transporte coletivo serão informados das novas regras por avisos em terminais, pontos e estações-tubo.

Atualmente, os cartões representam mais de 60% das formas de pagamento do transporte coletivo na cidade. São 1,8 milhão de cartões-transporte usuário, 170,3 mil cartões do idoso, 15,5 mil isentos e 772 de estudantes ativos na capital, segundo a Urbs. 

Curitiba vive a pior fase desde o início da pandemia

Em bandeira vermelha desde 13 de março, Curitiba passa pela pior fase desde o início da pandemia. Segundo os dados do boletim divulgado pela prefeitura nesta quarta-feira (24), a taxa de ocupação dos leitos de UTI-SUS exclusivos para covid-19 está em 100%, mesmo com a abertura de 21 novos leitos. 

Nesse mesmo dia, a capital paranaense registrou 1.078 novos casos e 39 óbitos. Até o momento, já foram registrados 167.392 casos confirmados na cidade e 3.620 óbitos.

Fonte: Prefeitura de Curitiba.

Inscreva-se agora para o Estadão Summit Mobilidade Urbana. É online e gratuito.

Este conteúdo foi útil para você?

98020cookie-checkCuritiba: pessoas com covid-19 terão cartão-transporte bloqueado