Como reciclar pneus?

19 de fevereiro de 2021 3 mins. de leitura
Partindo do conceito de mobilidade urbana sustentável, é possível reutilizar o produto em formatos que vão de cimento até parques

Um dos principais mercados automobilísticos do mundo, o Brasil também ocupa a posição de um dos maiores produtores de pneus — em 2019, foram produzidas 59,5 milhões de unidades, segundo dados da Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos (ANIP). 

Conheça o maior e mais relevante evento de mobilidade urbana do Brasil

Apesar de ter um período de utilidade de cerca de 6 anos em carros, por conta do desgaste do molde responsável por auxiliar em aspectos como frenagem e direção, o pneu leva aproximadamente 600 anos para se decompor em condições naturais. 

Tendo em vista aspectos como reciclagem e o fomento de ações que incentivem a mobilidade urbana sustentável, foram criadas opções de reutilização desse produto, que passam do reaproveitamento do pneu em si à sua “destruição” e reutilização.

Além do uso no automobilismo, os pneus podem ser aproveitados em outras áreas de forma bastante eficiente. (Fonte: Shutterstock)
Além do uso no automobilismo, os pneus podem ser aproveitados em outras áreas de forma bastante eficiente. (Fonte: Shutterstock)

Opções de reciclagem de pneus 

Caso a ideia seja aproveitar o pneu, é possível utilizá-lo de maneira doméstica como vasos de plantas, cobrindo sua base com uma tela rígida (para a terra não escapar), ou balanço em áreas de recreação infantil. 

Também é possível usá-los em pufes tanto em casa quanto em áreas comuns, principalmente ao ar livre. A vantagem é que é possível usar de três a quatro pneus, otimizando o reaproveitamento. 

Pneus transformados em pontos de coleta seletiva na praia de Barbacena, localizada no Pará. (Fonte: Shutterstock)
Pneus transformados em pontos de coleta seletiva na praia de Barbacena, localizada no Pará. (Fonte: Shutterstock)

Reutilizando componentes específicos

Por conta da grande produção de pneus e seu inevitável descarte, o Conselho Nacional do Meio Ambiente definiu em resolução que as fabricantes brasileiras são responsáveis por dar um destino ambientalmente correto a eles. Por isso, muitos são destruídos para que seus componentes sejam reutilizados de forma separada. 

Cimento 

Muitos pneus são utilizados como combustíveis dentro de fornos das cimenteiras, por terem uma queima eficiente e serem menos prejudiciais ao meio ambiente do que outras opções, como o petróleo.

Asfalto-borracha

A adição do pó extraído dos pneus faz com que o asfalto fique mais resistente do que o normal, além de diminuir o risco de acidentes por conta da propriedade de frenagem dada pela borracha.

Siderurgia

O aço extraído das calotas passa por um processo de trituração e é redirecionado para indústrias siderúrgicas, que reaproveitam o material dentro de seus processos fabris.

Produtos de borracha

Pneus podem ter sua borracha extraída e utilizada para a produção de outros produtos, em especial pisos para quadras poliesportivas ou mesmo os tapetes utilizados em automóveis. O material dos pneus também é utilizado para a produção de solas de sapato.

Fonte: Ciclovivo.

Já conhece o Estadão Summit Mobilidade Urbana? Saiba o que rolou na última edição do evento.

Este conteúdo foi útil para você?

94840cookie-checkComo reciclar pneus?