Quais são os carros elétricos mais baratos no Brasil?

23 de fevereiro de 2021 4 mins. de leitura
Confira os 5 modelos com os preços mais acessíveis disponíveis no mercado nacional

A adoção em massa de carros elétricos ainda é um sonho distante no Brasil por várias razões. Entre elas está o formato atual de venda: todos os modelos dessa categoria são importados, o que aumenta consideravelmente o valor final.

O Estadão Summit Mobilidade urbana será online e gratuito. Inscreva-se agora!

Apesar de o modelo mais vendido ser o Audi E-Tron, cujo preço médio é cerca de R$ 550 mil, é possível encontrar opções mais modestas (abaixo da casa dos R$ 200 mil) e que entregam a experiência que se espera de um carro do tipo. Porém, ainda assim o valor é alto. 

Estações de carregamento de carros movidos completa ou parcialmente a bateria. (Fonte: Shutterstock)
Estações de carregamento de carros movidos completa ou parcialmente a bateria. (Fonte: Shutterstock) 

A seguir, confira os elétricos com os menores preços do Brasil. 

1. JAC iEV20

O mais barato dentre os carros elétricos vendidos no Brasil, o iEV20 é avaliado em R$ 120 mil e conta com um bom custo-benefício: 400 quilômetros de autonomia e velocidade máxima de 113 quilômetros por hora.

O veículo é equipado com ar-condicionado, direção e vidros elétricos nas quatro portas, retrovisores com regulagem elétrica e câmera de ré. Apesar de não ser indicado para viagens por conta da velocidade limitada, o veículo pode ser uma boa opção para quem deseja utilizá-lo na cidade e prioriza o fator elétrico como decisão de compra.

2. Renault Zoe

Atualmente, o carro elétrico mais vendido na Europa, o Zoe é comercializado no Brasil por cerca de R$ 149 mil, contando com uma autonomia de 300 quilômetros e velocidade máxima de 135 quilômetros por hora.

Com quatro airbags e freios ABS, o carro também conta com recursos como controle eletrônico de estabilidade, monitoramento eletrônico da pressão dos pneus, sensor de chuva, piloto automático com limitador de velocidade e assistente de partida em rampa.

Importante lembrar que, além da compra do carro, também é necessária a de um carregador doméstico próprio, equipamento que custa cerca de R$ 5 mil mais os custos relacionados à instalação.

3. Chery Arrizo 5e

Importado da China, o veículo se destaca por ser um dos poucos sedãs disponíveis no mercado brasileiro. Avaliado em R$ 159 mil, o veículo conta com 322 quilômetros de autonomia e chega a 152 quilômetros por hora.

Dentre os acessórios, o Cherry Arrizo tem controle de tração e estabilidade, Isofix, sistema keyless de partida sem chave, bancos e volante revestidos em material ecológico semelhante ao couro; além de ar-condicionado digital, câmera de ré e sensor de estacionamento.

Sinalização de um ponto de carregamento para carros elétricos. (Fonte: Shutterstock)
Sinalização de um ponto de carregamento para carros elétricos. (Fonte: Shutterstock)

4. JAC iEV40

Mais um modelo da JAC presente na lista. Avaliado em R$ 169 mil, o iEV40 conta com autonomia de 300 quilômetros e velocidade de até 130 quilômetros por hora. Inicialmente, o veículo chegou ao país vendido a R$ 129 mil, mas o preço sofreu modificações até o valor atual.

Assim como outros carros da linha iEV, o modelo oferece um sistema chamado i-Pedal, que auxilia no prolongamento da vida útil das pastilhas de freio do veículo. O i-Pedal também utiliza o sistema de frenagem como um gerador para otimizar o carregamento da bateria.

5. Nissan Leaf

Um dos pioneiros entre os carros movidos a energia elétrica, o Leaf conta com preço atual em torno de R$ 195 mil, autonomia de 389 quilômetros e alcança até 143 quilômetros por hora.

Isso inclui o kit de equipamentos para recarga tanto na rua quanto em casa, com um carregador homologado pela própria Nissan, um cabo de recarga de emergência e um adaptador para plug do tipo 2.

Fonte: Notícias Automotivas, Última Marcha.

Inscreva-se agora para o maior evento de mobilidade urbana do Brasil. É online e gratuito.

Este conteúdo foi útil para você?

950610cookie-checkQuais são os carros elétricos mais baratos no Brasil?