Qual foi a primeira rua do Brasil?

29 de julho de 2022 4 mins. de leitura
Conheça a rua mais antiga do Brasil, que ainda está em atividade e passa por processo de revitalização

Conheça o maior evento de mobilidade urbana do Brasil

A rua mais antiga do Brasil foi, por séculos, um importante cenário do comércio da elite de Salvador (BA). Atualmente, o poder público e a iniciativa privada tentam resgatar as glórias antigas da Rua Chile.

Em 1549, uma expedição portuguesa chegou ao Brasil com o objetivo de fundar uma capital para a colônia. Assim, Salvador surgiu como cidade sem nunca ter sido província. O planejamento urbano seguia um modelo para a criação de cidades adotado pelos portugueses nas cidades costeiras, no qual uma das características era a escolha de lugares altos para que pudessem ser feitos núcleos defensivos.

A cidade era construída e murada, tendo duas portas como os pontos de entrada, e foi aí que surgiu a primeira rua do Brasil, inicialmente chamada Rua Direita de Santa Luzia, por ficar à direita da porta de Santa Luzia.

Conforme a cidade foi se desenvolvendo, a rua teve o nome alterado por causa de diversos acontecimentos. Com a chegada e a instalação de comércios na área, a rua ficou conhecida como Rua Direita dos Mercadores; mais tarde, o palácio de governo foi construído na via, que então teve o nome trocado para Rua Direita do Palácio.

Última mudança de nome

Em 1902, a rua mais antiga do Brasil foi alterada novamente para o que se mantém até hoje: Rua Chile. Na época, quatro embaixadores chilenos haviam morrido de peste bubônica no Rio de Janeiro, o que levou o governo do país vizinho a fazer duras críticas ao Brasil e ameaçar cortar as relações diplomáticas.

A mudança do nome da rua mais antiga do País foi uma maneira de mostrar a importância da relação entre os países. A esquadra chilena enviada para buscar os corpos foi recebida com festa em Salvador. A situação também foi vista como um movimento político do Estado da Bahia para ganhar destaque no cenário nacional e ser notado internacionalmente.

Destaques da Rua Chile

Por séculos, a Rua Chile foi um dos pontos mais importantes de Salvador. Sendo a porta de entrada do centro histórico, era conhecida pelo glamour e pelo comércio voltado à elite. As novidades que estavam na moda na Europa, em São Paulo e no Rio de Janeiro sempre podiam ser encontradas na Rua Chile.

Apesar de ter apenas 400 metros de extensão, a via também foi um ponto de importantes experimentos urbanos. Foi lá que a primeira linha de bonde da cidade começou e onde os primeiros postes de iluminação pública a gás e a primeira escada rolante foram instalados.

Foto da Rua Chile na década de 1930. (Fonte: Salvador-Antiga/Reprodução)
Foto da primeira rua do Brasil, na década de 1930. (Fonte: Salvador-Antiga/Reprodução)

Outro ponto importante da Rua Chile foi o Hotel Palace, inaugurado em 1934, sendo uma referência de luxo e glamour e recebendo hóspedes ilustres como estrelas do cinema, da literatura, do esporte e da política. O hotel e o famoso cassino dele aparecem na obra Dona Flor e seus dois maridos, de Jorge Amado.

Leia também:

Abandono e descaso

A partir da década de 1970, a Rua Chile e o Centro Histórico de Salvador foram negligenciados. O surgimento de shoppings e de novas avenidas transferiu boa parte do comércio para a região norte da cidade. Dessa forma, o hotel fechou e a sede do governo mudou de lugar. Com o tempo, vários imóveis foram sendo abandonados e ficaram ociosos e muitos foram alvo de vandalismo.

Em 2018, várias obras de revitalização do Centro Histórico de Salvador foram aprovadas; entre elas, as melhorias na rua mais antiga do Brasil. O governo estadual pretende reconstruir fachadas históricas e resgatar ruas, paralelepípedos e calçadas para explorar o poder turístico do local. Descontos e isenção de impostos serão oferecidos para quem comprar imóveis antigos e restaurá-los.

Fachada recuperada do Hotel Palace na rua mais antiga do Brasil. (Fonte: Instagram Fera Palace Hotel / Divulgação)
Fachada recuperada do Hotel Palace na rua mais antiga do Brasil. (Fonte: Instagram Fera Palace Hotel/Divulgação)

A iniciativa privada também tem apostado na região, e o Palace foi reaberto em 2017 com o nome Fera Palace Salvador. A obra restaurou a fachada e várias partes históricas do prédio, sendo uma aposta para a revitalização do Centro Histórico.

Quer saber mais? Confira aqui a opinião e a explicação de nossos parceiros especialistas em Mobilidade.

Fonte: Aratuon, Tricurioso, Metro1.

146990cookie-checkQual foi a primeira rua do Brasil?