Summit Mobilidade

Limpeza de carros: 5 dicas para a higienização interna

26 de julho de 2023 6 mins. de leitura
A limpeza de carros é mais simples do que muitas pessoas imaginam, mas é essencial para a conservação do carro e para a saúde dos passageiros

Quando falamos em limpeza de carros, é comum que motoristas pensem na lavagem externa. Afinal, essa é a parte que todos veem e a mais fácil de lidar, passando em um lava-rápido. Contudo, a higienização interna talvez seja ainda mais importante, por diversos motivos. 

Em primeiro lugar, ela é indispensável para manter o conforto durante o trajeto, evitando que odores ou excesso de poeira incomodem os passageiros. Na realidade, a limpeza de carros é também uma questão de saúde, pois eles podem acumular microorganismos que causam doenças. Além disso, manter seu automóvel limpo é uma forma de mantê-lo bem conservado, para que ele dure mais tempo e seja valorizado na hora da venda

Dito isso, muitas pessoas acreditam que é complicado limpar o carro por dentro — e delegam essa tarefa para profissionais. Porém, a verdade é que a higienização essencial do dia a dia não é tão difícil assim, e você pode realizá-la em casa, deixando o serviço profissional para um momento mais específico. De modo geral, você vai precisar de:

  • um balde ou borrifador com água, detergente neutro e desinfetante;
  • limpa-vidros;
  • uma esponja macia;
  • panos limpos;
  • aspirador de pó.

A seguir, nós vamos explicar melhor como proceder para fazer a limpeza de carros em toda a parte interna — incluindo o estofamento, carpetes, vidros, painel e tapetes. 

A limpeza de carros pode ser feita com produtos comuns, como sabão neutro e água (Fonte: GettyImages)
Limpeza de carros pode ser feita com produtos comuns, como sabão neutro e água, além do aspirador de pó. (Fonte: Getty Images/Reprodução)

1. Use o aspirador de pó regularmente

O primeiro passo para uma limpeza eficiente é aspirar o interior do carro com frequência, para retirar as eventuais migalhas de comida, poeiras maiores e restos de papel ou embalagens. 

Para isso, você pode comprar um aspirador de pó portátil, específico para limpeza de carros, ou até mesmo utilizar seu aparelho doméstico. O importante é se certificar de alcançar todos os cantinhos do interior — como debaixo dos bancos, nos porta-trecos, no teto e em frestas. 

Aspirar seu carro é algo relativamente rápido, que evita o acúmulo de sujeira e facilita todas as demais etapas da limpeza. Portanto, o ideal é fazer isso regularmente, mesmo nos dias em que você não pode fazer uma “faxina” completa. 

2. Limpe o teto e os estofados

Depois que você aspirou as sujeiras maiores do interior, é hora de usar a água com detergente e desinfetante para realmente limpar tudo. Mas atenção: evite molhar os estofados, já que isso pode causar mofo e danificar o carro. Então, sugerimos que você use o borrifador ou umedeça um pano limpo, em um balde ou bacia. 

Passe o pano úmido pelo teto do carro, pelas colunas das portas e, depois, pelos bancos. Você não precisa utilizar nenhum produto específico para isso: detergente neutro e desinfetante são o suficiente para garantir limpeza profunda, sem prejudicar o veículo. Inclusive, se seus bancos são de couro, é indicado usar apenas o detergente neutro, para não correr risco de manchar esse material mais sensível. Além disso, é recomendado hidratar o couro, uma vez ao ano. 

Por fim, o ideal é não molhar nenhuma parte do teto ou estofados. Porém, caso isso ocorra, você deve usar um pano seco para remover o excesso de umidade. 

Leia mais:

3. Limpe os vidros do carro

Essa é uma parte bem importante (e frequentemente ignorada) da limpeza de carros: os vidros. Além de limpá-los por fora, na lavagem externa, você precisa fazer o mesmo por dentro, a fim de garantir a visibilidade.

Para isso, borrife algum produto limpa-vidros disponível no mercado, espalhe-o pela superfície e finalize com um pano úmido, para retirar o excesso. O ideal é fazer isso uma vez por semana ou sempre que você perceber alguma sujeira atrapalhando a visão.

Ao fazer a limpeza de carros, você não pode se esquecer dos vidros (Fonte: Getty Images)
Ao realizar a limpeza de carros, você não pode se esquecer dos vidros. (Fonte: Getty Images/Reprodução)

4. Use um pano úmido no painel e console

Na hora de limpar o painel e o console, você deve ter ainda mais cuidado para não usar água demais — afinal, há muitos componentes eletrônicos nessas áreas, e eles podem ser danificados, caso molhados. Então, use somente um pano úmido, com água e detergente neutro.

Além disso, não se esqueça de passar o pano úmido nas portas, puxadores e porta-objetos. Se achar necessário, você pode desinfetar as partes mais tocadas — como as maçanetas — com o desinfetante, passando o pano úmido em seguida. 

Considerando que os consoles da maioria dos automóveis é feita em plástico, muitas pessoas utilizam silicone para mantê-los brilhosos. Isso é totalmente opcional e demanda um cuidado extra: não passar silicone no volante ou no câmbio, para não deixá-los escorregadios. 

5. Tire os tapetes e limpe o chão do carro

Para finalizar, é importante limpar o chão do carro. Você pode tirar os tapetes de borracha logo no início do processo ou, então, deixá-los no lugar, para que as sujeiras das outras áreas caiam nele. De qualquer maneira, para a limpeza de carros ficar completa, você precisa retirá-los e higienizá-los com água e sabão. 

Enquanto os tapetes secam — e você não deve, de forma alguma, colocar os tapetes molhados dentro do carro —, você pode limpar o carpete que fica sobre eles. Passe aspirador por todo o carpete e, também, um pano levemente úmido.

Com essas cinco etapas, seu carro estará devidamente limpo por dentro. Porém, é indicado deixar o carro parado, com as portas e janelas abertas, por uma ou duas horas — para garantir que os estofados e revestimentos sequem apropriadamente. Assim, você garante o conforto e saúde de quem anda no seu carro e, ainda, o mantém bem conservado.

194160cookie-checkLimpeza de carros: 5 dicas para a higienização interna