Qual é a cidade com a melhor mobilidade urbana do Brasil?

5 de julho de 2022 4 mins. de leitura
Conheça o ranking Connected Smart Cities e descubra qual foi eleita a cidade com melhor mobilidade urbana do Brasil

Conheça o maior evento de mobilidade urbana do Brasil

Desde 2015, a consultoria Urban System divulga anualmente o ranking Connected Smart Cities, que mapeia as cidades do Brasil, indicando os destaques em uma série de categorias, como mobilidade, saúde, segurança, empreendedorismo e meio ambiente.

Para avaliar a mobilidade urbana das cidades brasileiras, o estudo levou em conta os seguintes critérios:

  • proporção entre automóveis e ônibus;
  • idade média da frota dos meios de transporte públicos;
  • quantidade de ônibus por habitante;
  • opções dos meios de transporte;
  • dimensão das ciclovias;
  • acessibilidade (quantidade de rampas para cadeirantes);
  • aeroportos e número de voos para outras cidades;
  • transporte rodoviário.

Conheça a seguir as cidades que ficaram no topo do ranking com a melhor mobilidade urbana do Brasil em 2021.

1. São Paulo (SP)

Mesmo tendo problemas conhecidos de mobilidade, como congestionamentos gigantes e excesso de carros, a maior cidade do Brasil foi considerada a melhor em mobilidade urbana. Isso porque a cidade realmente oferece múltiplas soluções para o transporte, como a variedade dos modais, com amplo serviço de metrô, ônibus, trem, aplicativos de carona e voos.

São Paulo tem a amaior malha cicloviária do país. (Fonte: Shutterstock/Reprodução)
Com a maior malha cicloviária do país, São Paulo tem a melhor mobilidade urbana do Brasil. (Fonte: Shutterstock/Reprodução)

Além disso, São Paulo conta com mais de 650 quilômetros de malha cicloviária.

2. Balneário Camboriú (SC)

Balneário Camboriú recentemente chegou ao noticiário nacional ao ter alcançado o posto de metro quadrado mais caro do País, segundo levantamento do Índice FipeZap.

A cidade é um dos principais pontos turísticos do sul do País e, durante a temporada, comporta até 500 mil. Estima-se que a cidade receba 4 milhões de turistas entre dezembro e fevereiro, e a infraestrutura montada para esses meses proporciona benefícios para a população no resto do ano.

3. Florianópolis (SC)

Florianópolis era conhecida por ter péssimas soluções de mobilidade. Com uma dependência dos carros e vias estreitas (muitas de mão única), a cidade era conhecida por causa de congestionamentos.

Porém, nos últimos anos a cidade investiu na melhoria do sistema de ônibus e na criação de mais de 80 quilômetros de ciclovias. As ações fizeram a cidade subir no ranking de mobilidade urbana.

4. Rio de Janeiro (RJ)

A capital do Rio de Janeiro também entrou no ranking das cidades que são destaques em transporte público. Um dos diferenciais é o número de modais, contando com Bus Rapid Transpor (BRT), Veículo Leve sobre Trilho (VLT), ônibus, trem, metrô, ciclovia, vans, aplicativos de transporte e até barcas. Apesar das críticas pela dificuldade do acesso das populações da periferia a alguns desses serviços, o Rio de Janeiro pontuou no ranking da mobilidade urbana.

VLT no Rio de Janeiro. (Fonte: Shutterstock/Reprodução)
VLT no Rio de Janeiro, solução de mobilidade urbana na cidade. (Fonte: Shutterstock/Reprodução)

5. Barueri (SP)

Barueri, na Grande São Paulo, e Balneário Camboriú, em Santa Catarina, são as únicas cidades do top cinco com menos de 500 mil habitantes. No caso da cidade paulista, o sistema de transporte público, que oferece integração entre diferentes linhas de ônibus e entre os ônibus e os trens, é um destaque na mobilidade urbana.

Leia também:

Outros destaques

Fechando o top dez das cidades com melhor índice de mobilidade urbana do Brasil, segundo o ranking da Connected Smart Cities, estão:

  • 6º Itajaí (SC)
  • 7º Brasília (DF)
  • 8º Joinville (SC)
  • 9º Jaraguá do Sul (SC)
  • 10º Salvador (BA)

Quando são consideradas apenas as cidades com mais de 500 mil habitantes que enfrentam outros problemas na questão da mobilidade, o ranking fica assim:

  1. São Paulo (SP)
  2. Florianópolis (SC)
  3. Rio de Janeiro (RJ)
  4. Brasília (DF)
  5. Joinville (SC)
  6. Salvador (BA)
  7. Campinas (SP)
  8. Recife (PE)
  9. Guarulhos (SP)
  10. Porto Alegre (RS)

O destaque negativo fica para Curitiba, que, por anos, figurou no top cinco do ranking, principalmente pelas soluções de seu sistema de ônibus BRT. A falta de outras opções de mobilidade causou a dependência de carros e ônibus (que já mostra sinais de esgotamento) na capital paranaense. Com isso, o município não figurou sequer no top dez das cidades com mais de 500 mil habitantes de 2021.

Quer saber mais? Confira aqui a opinião e a explicação de nossos parceiros especialistas em Mobilidade.

Fonte: Urban Systems, Connected Smart Cities, Estadão, Thinkseg.

Este conteúdo foi útil para você?

144310cookie-checkQual é a cidade com a melhor mobilidade urbana do Brasil?