Summit Mobilidade

Rio de Janeiro: inovações e desafios marcam os 458 anos de história

1 de março de 2023 3 mins. de leitura
A cidade do Rio de Janeiro completa 458 anos em 1º de março

Em 1º de março, o Rio de Janeiro comemora 458 anos de história desde que foi fundada pelos povos portugueses, em 1565. A cidade, que é rica em belezas naturais e praias exuberantes, apresenta indicadores que a colocam em posição de destaque nacional.

Segundo dados projetados do Censo 2022, a Cidade Maravilhosa tem 6.625.849 habitantes, sendo a segunda mais populosa do País. Do ponto de vista macroeconômico, ela compõe a segunda maior Região Metropolitana do País, tratando-se não apenas de um cartão de visita e palco de megaeventos, mas também de um importante eixo de desenvolvimento.

(Fonte: Pexels/Reprodução)
Rio de Janeiro é o 4º maior município do Estado em extensão territorial, com 1,2 mil km². (Fonte: Pexels/Reprodução)

Fomentação do setor de serviços e inovação são destaque

Em 2022, foram divulgados dados que reforçam a relevância da capital fluminense: no segundo trimestre do ano, a economia cresceu 1,6% em relação ao período anterior, em valor superior ao nacional. Como motivo, a prefeitura destaca a crescente expansão do setor de serviços, que apresentou boa recuperação após a pandemia de covid-19.

Enquanto no Brasil o setor responde por 70% da economia, no Rio alcança 87%, o que reforça o papel da área, estimulando o crescimento local. O destaque do Rio de Janeiro também aparece na tecnologia e na inovação, o que rendeu à cidade a primeira posição no ranking Connected Smart Cities em 2021.

Além da modernização da estrutura portuária, os investimentos no setor de transporte são reflexos dos esforços da cidade para superar os desafios e mostram o processo de transformação que os cariocas têm acompanhado.

Leia também:

(Fonte: Pexels/Reprodução)
Prefeitura investe em transporte público para mitigar problemas de mobilidade urbana. (Fonte: Pexels/Reprodução)

Investimentos em mobilidade urbana

O investimento em mobilidade urbana é importante quando é considerada a expansão dos corredores de ônibus de trânsito rápido (BRT) nos últimos anos. Em 2012, houve a inauguração do primeiro trecho, fazendo do meio de transporte o palco de uma das principais mudanças.

Apesar da maior participação, o BRT apresentou má avaliação em comparação com outros modais utilizados pelos cariocas. Buscando promover melhorias, a prefeitura entregou 36 novos ônibus no fim de 2022 e mais 40 veículos na primeira semana de 2023.

Além de investir na remodelação das estações do sistema de BRT, a prefeitura pretende oferecer mais 110 ônibus até março. Para ajudar na manutenção, o atual prefeito, Eduardo Paes, tem convocado a população para promover campanhas e estimular a denúncia de atos de vandalismo, visando coibir a degradação do bem público.

A expectativa é que em 2024 a frota avance de 254 ônibus (2022) para 572 veículos. As estações também devem ser ampliadas, passando de 133 (2021) para 155 em 2024, segundo projeção realizada pela Secretaria Municipal de Transportes do Rio de Janeiro.

Quer saber mais? Confira aqui a opinião e a explicação de nossos parceiros especialistas em Mobilidade.

Fonte: Estadão, IBGE, Prefeitura do Rio de Janeiro

169610cookie-checkRio de Janeiro: inovações e desafios marcam os 458 anos de história